COMENTANDO:
O Dariz

Ler este livro é um exercício de aceitação das diferenças.

A fala do fanho pede mais atenção à compreensão por estar sempre na iminência de gerar um mal entendido.





O autor soube retratar muito bem isso em sua escrita, faz com que o leitor fique atento em cada palavra fanhosa escrita, dita.






Aqui, muitos motivos geram os fanhos e apenas um desejo gera a união entre eles que, por sua vez, gerou a vontade de seguirem em frente.

Cinco narizes entupidos se encontram e saem em busca de solucionarem seus problemas, mas, não conseguem isto com facilidade. Se encontram, trocam experiências, tropeçam, caem, levantam até conseguirem chegar onde querem.









Sim, é isso, nem sempre uma resolução é conseguida com facilidade, mas, sempre o percurso para alcançá-la pode ser enriquecedor.

Fiquemos atentos...


..."desgulpa, acho que vou esbirr..."

                                                                            Publicado em 07/04/2016

Autor: Douzou Olivier
Categoria: Infantojuvenil
Editora Cosac Naify
Publicação: 2009
1ª Edição
Fonte: Link: www.olivierdouzou.com/olivierdouzou.com/olivier_douzou_._biographie.html

post de: Nan Lourenço

AUTORIA DO LIVRO

Douzou Olivier


Douzou nasceu em Rodez em 1963.

Certified Architect formou em 1987 da escola de Montpellier, Olivier Douzou é entre 1988 e 1993 diretor artístico em dois ramos Paris de design e comunicação visual.

Em 1993, publicou seu primeiro livro infantil, "Jojo o Mache".

Ele também é designer gráfico e diretor de arte para Editions du Rouergue até 2001 self-employed.

Em seguida, ele participou da criação das edições do bulbo em Paris e publicado em 2003 seus álbuns de edições memorando. "Nariz" é recompensado em 2006 Feira do Livro e Youth Press em Montreuil Seine-Saint-Denis, que lhe ofereceu um cartão branco no ano seguinte para o "Play" da exposição.

Desde 2007, ele é o criador deste show e exposições.

 Em 2011 ele encontrou sector da juventude do Rouergue para assegurar a direcção artística e a direção dos álbuns também que prossigam a sua actividade independente nas áreas de imagem, objeto e espaço.

Olivier Douzou é o autor / ilustrador de 90 álbuns que ganharam prêmios (Totem, Baobab, Nugget sala de Montreuil, Bologna Ragazzi Award, Ouro pichou etc) e traduzido para vinte idiomas.


Outros Posts


PARCEIROS: